O Maracanã do Rio de Janeiro e a sua mística

Inaugurado para a Copa do Mundo de 1950, o Maracanã é um dos estádios onde todo jogador de futebol gostaria de jogar... e onde todo torcedor gosta de apreciar uma partida.
O Maracanã do Rio de Janeiro e a sua mística

Última atualização: 04 Maio, 2021

Todo aquele que ama o futebol sabe que o Maracanã do Rio de Janeiro tem algo especial. Durante um longo tempo, ele ainda foi ‘o maior do mundo", como dizem no Brasil. E embora ele tenha sido construído para a Copa do Mundo de 1950, ele ainda é sinônimo de toda uma mística. Vamos contar tudo sobre ele no artigo a seguir.

História do Maracanã

Originalmente, recebeu o nome de Estádio Municipal do Maracanã – por causa de um pássaro típico da região – e a sua inauguração ocorreu no dia 24 de junho de 1950, com uma vitória de 4 a 0 da seleção brasileira sobre a seleção do México. Em seguida, outras partidas seriam disputadas nas fases de grupos e nas finais.

Nesse local, ocorreu nada menos do que a partida entre a seleção local e a seleção uruguaia, um evento que todos conhecem como ‘Maracanaço", já que a equipe uruguaia venceu por 2 a 1 com um público de quase 200.000 pessoas, um recorde que ainda não foi quebrado.

O Maracanaço ocorreu em 16 de julho de 1950, quando os uruguaios conquistaram o seu segundo – e até agora o seu último – título mundial.

Após esse evento, o Maracanã passou a ser o lar de duas equipes locais: Flamengo e Fluminense, em um dos curiosos exemplos de rivais que dividem um estádio. Em 1963, o clássico Fla-Flu teve outro recorde de público, com pouco mais de 194.000 espectadores.

O Maracanã

Estádio do Maracanã durante a Copa do Mundo de 1950. Imagem: FIFA.

Um ano depois, decidiu-se mudar o nome do local para Mário Filho, em homenagem a um jornalista esportivo brasileiro que fundou o Jornal dos Sports, um jornal local. No entanto, as pessoas continuam a chamá-lo de Maracanã.

Muitas estrelas do futebol mundial já pisaram na grama desse mítico estádio, incluindo Pelé, Maradona, Ronaldo e, mais recentemente, Messi e Riquelme.

Em 1989, ele foi utilizado novamente para um evento esportivo de renome, a Copa América. Os seis jogos disputados no Maracanã ocorreram na fase final, incluindo o protagonizado pela seleção local e o seu carrasco dos anos cinquenta, o Uruguai. Desta vez, o Brasil se vingou, vencendo a partida por 1 a 0.

Reformas e alterações

Em 1992, durante um jogo do Brasileirão entre o Flamengo e o Botafogo – outro dos grandes do Rio de Janeiro –, uma das arquibancadas desabou e caiu sobre centenas de torcedores; três deles morreram. Por isso, houve a decisão de reformar o estádio e reduzir a sua capacidade para 130.000 pessoas.

Além disso, outras mudanças subsequentes foram feitas no Maracanã para que ele sediasse o Mundial de Clubes conquistado pelo Corinthians. A capacidade foi inicialmente reduzida para 103.000 pessoas e, para cumprir com os regulamentos da FIFA que exigem que todos os espectadores estejam sentados em um estádio usado para a Copa do Mundo, a capacidade caiu para 80.000 pessoas.

Atualmente, o estádio tem uma altura máxima de 32 metros, um perímetro de 800 metros e uma elipse sem suportes visíveis no interior. Além disso, no ano 2000, foi inaugurada a Calçada da Fama, para comemorar os primeiros 50 anos de vida desse gigante carioca. Muitas personalidades do futebol deixaram lá as suas pegadas para a posteridade.

Em 2012, o Maracanã passou por uma nova mudança: foi adicionada uma cobertura formada por módulos solares que produzem energia solar fotovoltaica para suprir completamente a sua demanda por eletricidade e até mesmo oferecer o restante para a cidade. Um ano depois, ele recebeu três partidas da Copa das Confederações da FIFA e, em 2014, ele foi novamente reformado para a Copa do Mundo.

Embora o estádio tenha mantido a sua fachada e a sua cor original – azul celeste – a sua forma oval foi ligeiramente modificada para torná-lo mais moderno. Ao mesmo tempo, foram adicionados restaurantes, rampas novas, escadas rolantes e melhores acessos. O estacionamento foi ampliado e as arquibancadas superiores foram demolidas para melhorar a visibilidade.

O Maracanã

O Maracanã em eventos internacionais recentes

O Maracanã sediou sete partidas da Copa do Mundo de 2014, incluindo a final na qual a Alemanha venceu a Argentina por 1 a 0. O último evento internacional que aconteceu no estádio foi a Copa América de 2019, que o Brasil venceu neste local depois de derrotar o Peru por 3 a 1 na final, com quase 70.000 pessoas presentes.

Por fim, vale ressaltar que o Maracanã também é usado para shows de importantes nomes da música, tais como Queen, Madonna, Kiss, U2, Tina Turner, Aerosmith ou Frank Sinatra. Você já pensou em conhecer este lugar maravilhoso?

Pode interessar a você...
Os 6 maiores estádios do mundo
Fit PeopleLeia em Fit People
Os 6 maiores estádios do mundo

Os maiores estádios do mundo têm capacidade para mais de 90.000 espectadores... E ficam 100% lotados! Alguns deles não são tão famosos no Ocidente.