Conheça 5 modalidades da ginástica

A família da ginástica é uma das maiores do esporte, já que inclui várias modalidades. Algumas delas estão entre as mais populares nos Jogos Olímpicos.

Última atualização: 19 Outubro, 2020

Apesar das disciplinas do atletismo terem um pouco mais de fama, a ginástica também é uma das “grandes famílias” do esporte, já que abriga muitas modalidades. Assim, no artigo a seguir contaremos quais são as modalidades da ginástica e as suas principais características.

Quantas modalidades a ginástica tem?

A história da ginástica é muito mais antiga do que nós acreditamos. Já na Grécia Antiga eram realizados exercícios ou provas que possuem semelhanças com provas de hoje. A “ginástica moderna” é regulamentada pela Federação Internacional de Ginástica e inclui as seguintes modalidades:

1. Ginástica artística

É uma das mais famosas dentro da ginástica, e é, além disso, uma das competições mais vistas nos Jogos Olímpicos. A ginástica artística faz parte do programa olímpico desde Atenas 1896 para homens, e desde 1928 também para mulheres.

Geralmente, as apresentações de ginástica artística são individuais e têm uma duração entre 30 e 90 minutos em diferentes aparelhos. As competições femininas são barras assimétricas (em diferentes alturas), trave de equilíbrio (com movimentos acrobáticos), solo (coreografia) e salto (cavalo).

Enquanto isso, as competições masculinas são com anéis (o atleta fica suspenso o tempo todo), barra fixa (a 2,80 metros de altura), cavalo com alças, barras paralelas, salto sobre o cavalo e solo.

2. Ginástica rítmica

Outra das modalidades da ginástica mais vista nos Jogos Olímpicos, já que todas as provas são muito populares. Esse esporte combina não apenas a ginástica, mas também a dança e o balé.

Embora a história da ginástica rítmica seja antiga, no olimpismo ela é bastante “nova”. As primeiras provas individuais datam de 1984 e as grupais de 1996.

Os ginastas devem realizar uma série de exercícios ao ritmo da música. Além disso, na performance não podem faltar saltos, giros, demonstração de equilíbrio, flexibilidade e ondulações.

Os aparelhos empregados nas competições oficiais são: corda, arco, bola, maços e fita. A pontuação se dá de acordo com a dificuldade e a execução. As potências da ginástica rítmica são a Rússia, os países da ex-União Soviética, a Bulgária, a Espanha e a Itália.

3. Ginástica de trampolim

Como o seu nome indica, todas as provas dessa modalidade são realizadas sobre um aparato elástico. Ela é bastante moderna, já que foi criada nos Estados Unidos em 1934. O primeiro campeonato mundial foi celebrado em 1964, e, finalmente, é esporte olímpico desde 2000.

Os exercícios ocorrem em três especialidades: tumbling, duplo-mini trampolim e trampolim individual. A primeira é uma pista alongada de 25 metros, a segunda tem uma dimensão de três metros de largura e a última engloba as provas obrigatórias e livres de 10 elementos.

Além disso, também podemos somar a essa lista o trampolim sincronizado, uma prova com dois ginastas que realizam os mesmos exercícios em camas elásticas paralelas.

4. Ginástica aeróbica

Também é conhecida como aeróbica esportiva. É uma modalidade da ginástica que tem duração de um minuto, e inclui movimentos de alta intensidade e o uso de diferentes elementos. Assim, nos 60 segundos o ginasta deve demonstrar habilidades tais como flexibilidade, força e movimentos contínuos, por exemplo.

Existem diferentes categorias na ginástica aeróbica: individual, pares do mesmo sexo, pares mistos, trios, equipes (5 integrantes), aerodance (8 integrantes) e aerostep (8 integrantes).

Imagem: RTVE.es

5. Ginástica acrobática

A última das modalidades da ginástica é conhecida também como acrosport e faz parte da FIG desde 1999. As provas têm diferentes elementos de acrobacia e ginástica, tais como saltos, giros e demonstrações de flexibilidade e equilíbrio.

A duração de cada exercício é de aproximadamente dois minutos e meio, e a tapete onde ocorre a competição é de 12×12 metros. Há quatro categorias: pares (mistos ou não), trios (femininos, masculinos ou mistos), quartetos (femininos, masculinos ou mistos) e equipes (de seis participantes mistos).

Dentro da ginástica acrobática, os atletas adotam diferentes posições: base (da pirâmide), volante (subidas, saltos) e intermédio (dá assistência para os seus companheiros). Uma prova consiste na montagem da figura, na manutenção da pirâmide e, finalmente, na desmontagem, que deve ter ordem contrária à montagem.

Por fim, vale a pena destacar a chamada “ginástica para todos”, que é uma modalidade não-competitiva aceita pela FIG e que permite que atletas de todas as idades participem. As coreografias sincronizadas são divididas em três categorias, de acordo com a dificuldade dos movimentos.

Pode interessar a você...
Fit PeopleLeia em Fit People
Os 7 esportes mais exigentes fisicamente

Há esportes que não são adequados para as pessoas que acabaram de começar a se exercitar. Vamos falar sobre quais são os esportes mais exigentes do mundo.



  • Vernetta Santana, M., & Delgado Noguera, M. (1996). Aprendizaje en gimnasia artística: Un estudio experimental con niños que analiza ciertas variables del proceso. European Journal of Human Movement.