Como fazer um treino intervalado na esteira

Se você já ouviu falar sobre o treino intervalado, certamente você vai se interessar em saber como aplicá-lo à corrida. É possível implementá-lo até mesmo na esteira!
Como fazer um treino intervalado na esteira

Última atualização: 07 Novembro, 2019

Repetir o mesmo treino na esteira o tempo todo é muito chato. Por isso, é importante alternar diferentes tipos de exercícios. Nesta ocasião, recomendaremos o treino intervalado na esteira. Descubra do que estamos falando no artigo a seguir!

Para fazer cardio intervalado, tudo o que você precisa fazer é alternar as fases de esforço com períodos de descanso. Isto é, períodos de alta intensidade e períodos de baixa intensidade.

É verdade que com essa metodologia você geralmente treina um pouco menos, mas o trabalho é feito de forma mais intensa. Este treino pode não só melhorar o seu condicionamento, como também ajudará a queimar calorias.

É claro que, antes de correr em um ritmo constante, você deve tentar alternar a corrida com segmentos fáceis e tranquilos. Pode ser tão simples quanto seguir este plano:

  • 5 minutos de aquecimento.
  • 3 séries de 4 minutos com 2 minutos de corrida forte e mais 2 de caminhada fácil.
  • Recuperação de 5 minutos.

Este treino alterna exercício e recuperação, o que ajuda a melhorar a resistência. É um método que é interessante para melhorar o desempenho esportivo de muitos atletas.

De fato, o programa intervalado é uma excelente maneira de queimar calorias e aumentar o nível de condicionamento físico. Portanto, se você nunca fez um treino deste estilo, esta é uma oportunidade para desafiar as suas habilidades.

Benefícios do treino intervalado

Como mencionado, o treino intervalado consiste em períodos alternando o exercício físico de alta intensidade e períodos de exercício de baixa intensidade ou repouso. Estes períodos de exercício de alta intensidade devem ser difíceis e te deixar sem fôlego para te ajudar a alcançar os seus objetivos.

Benefícios do treino intervalado

A seguir, apresentamos os benefícios desse tipo de treino:

  • Melhora a capacidade cardiorrespiratória.
  • Melhora a circulação de todas as partes do corpo.
  • Melhora o desempenho dos atletas.
  • Aumenta a capacidade do corpo de queimar gordura, resultando assim em uma diminuição na porcentagem de gordura corporal.
  • Dá resultados muito mais rápidos do que o treinamento longo de cardio.
  • Traz mudanças positivas em relação aos fatores de risco para doenças cardiovasculares.
  • Fortalece os músculos envolvidos na respiração, o que aumenta a função pulmonar.
  • Reduz o estresse e a tensão; por consequência, promove o bem-estar mental.

Treino intervalado na esteira

Os intervalos de treino de alta intensidade intercalados com exercícios de menor intensidade são mais benéficos para o desenvolvimento da resistência do que o exercício em ritmo constante.

Para fazer isso, comece com um breve aquecimento de cerca de quatro minutos. Certifique-se de se aquecer bem, e você pode até mesmo incluir alguns intervalos abaixo do seu nível máximo para aclimatar o seu corpo. Após o aquecimento, comece a correr devagar e, após cerca de um minuto, aumente a velocidade.

Depois de mais um minuto, diminua a velocidade e corra ou caminhe com um ritmo muito mais lento. Em seguida, descanse por cerca de 3 minutos e inicie todo o exercício novamente. Faça isso durante 30 minutos; esse é o treino de um dia.

Se o intervalo de exercício não for desafiador o suficiente, adicione uma ligeira inclinação à esteira. Alterar a elevação fará com que o corpo trabalhe mais durante curtos períodos de tempo, independentemente da velocidade.

As melhores dicas para o seu treino intervalado

A seguir, daremos algumas dicas que você deve ter em mente para o seu treino intervalado. Tome nota!

  • Controle sua frequência cardíaca para que ela não atinja níveis excessivos.
  • Não se esqueça de se hidratar corretamente.
Treino intervalado na esteira

  • Tente correr com uma boa postura; permaneça ereto.
  • Lembre-se de que a corrida requer o alongamento de todos os grupos musculares dos membros inferiores no final do treino.
  • O treino intervalado não deve ser feito mais de três vezes por semana, e nunca por dois dias seguidos.
  • O corpo precisa descansar após cada sessão de treino para uma recuperação adequada e para dar origem ao crescimento muscular.

Por fim, lembre-se de que, quanto mais em forma você estiver, mais longos os intervalos de atividade poderão ser. Se você estiver cansado ou se tiver dores articulares ou musculares, consulte um médico ou reduza a frequência dos seus treinos caso a dor seja persistente, pois é melhor interromper as sessões do que ficar lesionado.

Como em qualquer programa de exercícios, comece lentamente e aumente a intensidade de forma progressiva quando sentir que pode fazer isso sem se machucar. Experimente esta forma de treinar e comprove os seus excelentes resultados!

Pode interessar a você...
Treino HIIT em casa: 3 métodos diferentes
Fit PeopleLeia em Fit People
Treino HIIT em casa: 3 métodos diferentes

Com esse treino HIIT para fazer em casa será mais fácil controlar seu peso e mantê-lo saudável com alguns minutos diários.