Quais são os músculos trabalhados ao fazer flexões?

Quase todos os treinos incluem as flexões para fortalecer os peitorais. Mas será que esses são os únicos músculos exigidos por esse exercício? Descubra a seguir.

Última atualização: 23 Fevereiro, 2021

Ao fazer um exercício, você primeiramente se pergunta para o que ele serve e como ele pode ser feito. Por isso, vamos falar das flexões. Mais especificamente, vamos descobrir quais são os músculos trabalhados ao fazer flexões, um dos exercícios mais populares, e quais são os benefícios que podemos obter com a prática.

Conhecidas de diferentes maneiras, as flexões de braço, cotovelo ou peito são um dos exercícios mais executados no mundo. Este exercício se destaca nos planos de treinamento por causa dos benefícios que traz ao corpo, principalmente em termos de musculação. Porém, você sabe quais são os músculos mais trabalhados?

Quais são os músculos trabalhados ao fazer flexões?

Esta talvez seja uma das perguntas mais recorrentes que os treinadores esportivos escutam nas academias. Surge a dúvida quanto ao que pode ser oferecido por esse exercício, principalmente se for feito com a técnica correta, algo que todo atleta deve buscar.

As flexões estão relacionadas à capacidade física da força, o que indica que este é um exercício que permite e favorece o desenvolvimento muscular. Porém, é necessário saber quais são os músculos trabalhados ao fazer flexões para que o plano de treinamento tenha uma melhor elaboração e, como consequência, leve a melhores resultados.

Principais músculos nas flexões

Conforme mencionamos anteriormente, as flexões podem ser conhecidas como “de braços” ou “de peito”. Isso não ocorre por acaso, já que estes são os músculos mais trabalhados ao fazê-las. Os músculos da parte superior do corpo são os mais exigidos durante a execução deste exercício, mais especificamente através dos seguintes músculos:

Peitorais

Os peitorais são o principal músculo do peito etanto o peitoral maior quanto o menor são estimulados ao fazer flexões. Por esse motivo, surge um dos seus nomes mais importantes, ‘flexão de peito”.

Deltoides

Um dos músculos trabalhados com mais regularidade nas flexões é o deltoide anterior. Ele é responsável por dar força aos braços, além de também proteger a articulação mais próxima do troncoEstá localizado no que chamamos coloquialmente de ombro.

Tríceps braquial

Modelar os braços implica trabalhar o tríceps por completo, e as flexões também são recomendadas para isso. Sua execução consecutiva contrai as três cabeças do tríceps braquial e, ao mesmo tempo, aumenta a força e o volume desse músculo.

Infraespinhal

Apesar de ser um exercício voltado para o fortalecimento do peito e dos braços, a parte posterior do tronco também costuma obter bons resultados. Este é o caso do músculo infraespinhal, localizado na parte superior das costas e considerado um dos principais músculos na execução das flexões.

Serrátil

O serrátil anterior, que fica na parte de trás do tronco, quase embaixo das axilas, é outro dos músculos trabalhados ao fazer flexões. Desenvolvê-lo faz com que a função da escápula melhore gradualmente. Inclusive, isso ajuda na estabilidade dos grupos ósseos relacionados à articulação do ombro.

Quais são os outros músculos trabalhados ao fazer flexões?

Os grupos musculares mencionados acima são trabalhados durante o movimento das flexões. Ou seja, o objetivo desse exercício é melhorar a capacidade desses músculos.

No entanto, eles não são os únicos que estão envolvidos nas flexões. Graças à sua ação complementar de estabilidade e sustentação, também se destaca outro grupo de músculos favorecidos pelo exercício, que são os seguintes:

  • Glúteos, tanto o máximo quanto o mínimo.
  • Abdominais oblíquos.
  • Transverso do abdômen.
  • Reto abdominal.
  • Músculos do assoalho pélvico.
  • Lombares.
  • Diafragma.

O trabalho e o fortalecimento da região do core ocorre com as flexões graças à posição que o corpo adota ao longo da sua execução. Por estar em quatro apoios – palmas das mãos e pontas dos pés –, o corpo é submetido a um esforço isométrico na região média, onde se localizam esses músculos.

Por isso, as flexões são consideradas um dos exercícios mais completos no que diz respeito ao trabalho de força e resistência.

Planeje o seu treino e inclua as flexões

Agora você já sabe quais são os músculos trabalhados ao fazer flexões. Este é o ponto de partida para facilitar o treinamento. Porém, é preciso ter em mente que existem diferentes tipos de flexões e que elas variam de acordo com o suporte ou superfície.

Por isso, é aconselhável contar com a orientação e a supervisão de um profissional para que ele possa elaborar o seu plano de treinamento de forma oportuna. Sem dúvida, incluindo as flexões. Com a ajuda de um especialista, é possível evitar lesões e melhorar os resultados do treino.

Pode interessar a você...
Fit PeopleLeia em Fit People
Saiba quais são os 5 erros mais comuns ao fazer flexões

Saber os erros mais comuns ao fazer flexões permitirá que você aprimore sua técnica e evite lesões. Descubra quais são eles neste artigo!



  • Fernando Martín Rivera. (2011). Comparación de niveles de activación de los músculos estabilizadores del CORE durante la realización del ejercicio push up sobre equipamientos con diferentes grados de estabilidad. Dr. Juan Carlos Colado Sánchez.
  • Kaukab Azeem, M.com, M.Ped, MPhil, P. . (2015). The Push – up. International Journal of Fitness, Health, Physical Education & Iron Games.
  • Ebben, W. P., Wurm, B., Vanderzanden, T. L., Spadavecchia, M. L., Durocher, J. J., Bickham, C. T., & Petushek, E. J. (2011). Kinetic analysis of several variations of push-ups. Journal of Strength and Conditioning Research. https://doi.org/10.1519/JSC.0b013e31820c8587