Quais os músculos do tórax e do abdômen?

24 Fevereiro, 2020
Os músculos são estruturas contráteis fundamentais para que o nosso corpo possa se movimentar, mas eles também têm outras funções. Veremos quais são as mais importantes daqueles que compõem o tórax e o abdômen.

Os músculos são tecidos que nos permitem a movimentação por meio da contração e do relaxamento. Existem músculos recobrindo o corpo inteiro, mas neste artigo vamos nos aprofundar sobre os músculos do tórax e do abdômen.

Além de serem fundamentais para a gênese do movimento, eles também são cruciais para a manutenção de uma postura adequada e para a proteção dos órgãos internos localizados nessas cavidades.

Músculos do tórax

O tórax é a região anatômica que se estende desde a base do pescoço até o diafragma. Contém órgãos muito importantes, tais como pulmões, coração e esôfago. Devido à importância desses órgãos, há uma proteção óssea especial: as costelas e o esterno.

Do lado externo das costelas, encontramos a musculatura torácica, que além de ter funções importantes para o movimento também é essencial para proteger esses órgãos. Na lista a seguir, vamos revisar os músculos  mais importantes do tórax, destacando a sua anatomia e a sua função.

Peitoral maior e menor, os músculos do tórax que recebem maior atenção

O peitoral maior é um músculo plano e rígido, o mais importante e potente na face anterior do tórax. Sua origem é múltipla: suas fibras começam a partir da clavícula, das articulações esternocostais e da cartilagem costal na região abdominal, de onde surgem as fibras ascendentes. Ele se insere na crista subtrociterial do úmero.

O peitoral menor é plano e de forma triangular, menor do que o peitoral maior, localizado abaixo dele. Origina-se na apófise coracoide da omoplata e se divide em três partes, que se inserem nas faces anterolaterais da terceira, quarta e quinta costelas.

Serrátil anterior

O músculo serrátil anterior se origina na borda vertebral da escápula. É dividido em três partes, que se inserem nas faces anterolaterais das dez primeiras costelas. Sua principal função é a estabilização e ele também prepara os outros músculos para a abdução do membro superior.

Os músculos abdominais

Músculos intercostais

Os músculos intercostais externos e internos são aqueles que recobrem os espaços intercostais, cobrindo-os por fora – externos – e por dentro – internos.

Eles têm diversas partes e origens muito específicas, mas, em geral, podemos dizer que eles desempenham um papel muito importante para a respiração, principalmente durante o exercício.

Grande dorsal, um dos músculos do tórax mais notáveis

O grande dorsal é o maior e mais potente músculo de todo o tórax e um dos mais potentes de todo o corpo humano. Ele se origina nas apófises espinhosas de todas as vértebras desde a sétima dorsal – D7 – até a crista sacral e todas as suas fibras são ascendentes.

Ele se insere na área infratroquina e no canal bicipital do úmero. Desempenha funções de abdução, rotação interna e extensão do membro superior homolateral.

Músculo trapézio

O trapézio, embora seja um dos músculos mais importantes do pescoço, possui uma grande porção no tórax. Mais especificamente, a sua porção inferior se origina nos processos espinhosos das vértebras localizadas entre a quarta e a décima segunda dorsal.

Eles se inserem na borda superior da escápula. A função dessa porção do músculo é a de cuidar da rotação da omoplata. 

Músculos abdominais

O abdômen é a cavidade localizada abaixo do tórax e ambos estão separados pelo músculo diafragma. Localizado em uma posição superior à pelve, o abdômen inclui um grande número de órgãos.

A maioria deles é do sistema digestivo, tais como os intestinos delgado e grosso, o estômago e o fígado. Rins, baço e pâncreas também ficam no abdômen.

É essencial que ele seja recoberto por uma espessa camada muscular para que os órgãos, que estão contidos sob pressão dentro da cavidade abdominal, não se projetem para fora. Quando isso ocorre, surgem as hérnias e eventrações.

Músculos da parede anterolateral

Esses músculos estão dispostos em camadas concêntricas. De dentro para fora, encontramos os músculos transverso e reto abdominal. Ainda mais superficialmente, estão o oblíquo interno e o oblíquo externo.

abdômen definido

Eles têm diversas funções, tais como estabilizar a coluna vertebral e comprimir as vísceras da cavidade abdominal. Por esse motivo, é possível deduzir a sua participação em processos como micção, defecação, vômito e até mesmo no parto.

Por outro lado, eles também são essenciais para a expiração durante o exercício físico. O famoso ‘tanquinho’ faz parte do reto abdominal, e a linha que o separa longitudinalmente é a linha alba.

Músculos da parede posterior

Na parte de trás do abdômen, encontramos o triângulo lombar, formado pela fáscia toracolombar. Uma vez que ele continua em direção ao músculo grande dorsal, é possível entender o tamanho do músculo.

Internamente, existem os músculos serrátil posterior, os oblíquos internos e externos – que começam na região anterolateral – e o quadrado lombar, que recobre o peritônio parietal.

Em resumo, essa é a complexa estrutura que compõe grande parte da parte superior do nosso corpoSem dúvida, reconhecer cada músculo não é uma tarefa simples, pois existem muitos deles. No entanto, o mais importante é mantê-los ativos e saudáveis ​​para promover o bem-estar do nosso corpo!

  • Anatomía Funcional. FCCAFD. Granada. [Internet]. [cited 2019 Jun 14]. Available from: https://www.ugr.es/~dlcruz/index.htm
  • Tang A.; Bordoni B. Anatomy, Thorax, Muscles [Internet]. StatPearls. StatPearls Publishing; 2019 [cited 2019 Jun 14]. Available from: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/30855905