Qual a relação entre a osteoporose e o esporte?

24 Dezembro, 2019
A atividade física tem um papel essencial na prevenção de várias patologias. Uma delas é a osteoporose.
 

Ter um bom estado de saúde é uma das grandes preocupações da população em geral. O papel desempenhado pela atividade física é essencial para preservar o bem-estar durante o maior tempo possível. Ao mesmo tempo, fazer um esporte será fundamental no tratamento de certas patologias, como a osteoporose.

O que é a osteoporose?

Em geral, podemos definir a osteoporose como a doença que diminui todo o tecido que faz parte do osso. Sua principal característica é que o paciente sofre a diminuição da massa óssea, o que causa uma deterioração desses tecidos.

Isso resulta em ossos mais fracos e em uma maior chance de ruptura em comparação com os de alguém que não sofre de osteoporose. Essa debilidade pode até chegar a causar tipos de quebras ósseas em áreas importantes para a mobilidade, como o quadril ou a coluna vertebral.

O esporte como prevenção da osteoporose

Como em muitas outras patologias, a atividade física pode nos ajudar a conviver melhor com esta doença. No caso da osteoporose, o esporte e o exercício físico em geral podem desempenhar um papel fundamental como estimulador do tecido ósseo, algo que pode piorar com a inatividade física.

O que a ciência diz sobre isso?

Um importante estudo de Sayegh faz uma comparação da densidade óssea diferenciando entre três grupos populacionais. Por um lado, pessoas sedentárias, por outro, atletas e, finalmente, um grupo que realiza ginástica regularmente.

Em todos os testes realizados neste estudo, a densidade óssea do grupo de atletas é muito maior que a dos outros dois grupos. Ao mesmo tempo, a densidade é um pouco maior no grupo de atividade regular do que na população sedentária.

 

Portanto, este estudo conclui que a atividade física desempenha um papel fundamental na melhoria da densidade óssea, o que pode nos ajudar a prevenir certas patologias, como a osteoporose.

Características da osteoporose

Vantagens do exercício físico em pessoas com osteoporose

Além do papel preventivo da atividade física em pacientes com esta patologia, é necessário citar uma série de vantagens que envolvem a prática de atividade física em pacientes com osteoporose:

  • Aumento dos níveis de massa muscular através do trabalho de força.
  • Previne e mantém os fatores de risco sob controle.
  • Melhora da higiene postural e permite um aumento no equilíbrio.
  • Prevenção de diminuição ou perda de massa óssea.
  • Melhoria dos níveis de capacidade cardiovascular.
  • Aumento da funcionalidade no dia a dia.
  • Por último, mas não menos importante, melhora substancialmente a qualidade de vida.

Há algum inconveniente?

O principal risco que a prática de esportes ou o exercício físico pode acarretar nas pessoas com osteoporose é que, se não receberem uma boa orientação por parte de um profissional, uma alta intensidade de prática física poderá levar a fraturas ósseas.

 

Portanto, mais uma vez insistimos na importância do papel desempenhado pelos profissionais na atividade física e no esporte na hora do controle do programa físico em diferentes grupos populacionais.

Que tipo de exercício físico deve ser realizado?

Nos parágrafos anteriores, falamos sobre a relevância da atividade física e do esporte como fator preventivo da osteoporose. No entanto, há outros aspectos que devemos cuidar além da saúde física.

Entre eles, devemos manter uma dieta equilibrada, dando especial importância a nutrientes como cálcio ou vitamina C. Ao mesmo tempo, é altamente recomendável ter cuidado com a exposição ao sol e realizar exames médicos regulares.

Além disso, devemos levar em consideração as seguintes dicas:

  • Papel preventivo da atividade física em jovens: se o exercício físico estiver presente desde jovem, ocorrerá a mineralização óssea, fundamental na prevenção da osteoporose.
Prevenção da osteoporose

  • Trabalho de agilidade e equilíbrio.
  • Prática esportiva que implica impacto como consequência da gravidade. Atividades como a natação não são as mais eficazes para melhorar essa patologia, pois não possuem nenhum impacto.
 
  • O treinamento de força pode se tornar fundamental, pois favorecerá o aumento da massa muscular. O treinamento excêntrico é considerado o melhor método para pacientes com osteoporose.

Conclusões

Como vimos, a atividade física desempenha um papel fundamental tanto no momento da prevenção quanto no tratamento de uma doença tão comum quanto a osteoporose.

Para isso, será fundamental a seleção de tarefas apropriadas para cada indivíduo por um profissional em ciências do esporte, dependendo de suas limitações. Nunca é tarde para prevenir esta doença, então, o que você está esperando para começar?

 
  • Hawkins, SA; Schroeder, ET; Wiswell, RA; Jaque, SV, Marcell, TJ; Costa, K. (1999). Eccentric muscle action increases site-specific osteogenic reponse. Medicine and Science in Sports and Exercise. 34: 1287-1292
  • Sayegh, F. (2013). Bone Mineral Density and Body Composition of Adult Premenopausal Women with Three Levels of Physical Activity. Journal of osteoporosis, 2013.