Características da prática de artes marciais

Se você der uma olhada no mundo das artes marciais, talvez se anime a experimentar alguma modalidade. Vamos te contar os detalhes mais importantes de cada uma!
Características da prática de artes marciais

Última atualização: 15 Dezembro, 2020

A prática das artes marciais traz benefícios independente de qual tipo você escolher entre em várias modalidades do mundo. Cada uma tem um objetivo específico, como combater, neutralizar ou se defender de um ou mais adversários.

Também chamadas de artes militares, as artes marciais podem ser vistas nos quatro cantos do mundo. Podem ser distinguidas por suas tradições, filosofias e práticas, que colocam de lado o pensamento meramente bélico e se concentram na defesa pessoal.

Mais sobre a prática de artes marciais

O mundo antigo oferece muitas informações sobre as artes marciais. Os principais berços da civilização a nível filosófico, religioso e ético contam com diferentes artes militares desenvolvidas sob pensamentos honrosos, consideradas até mesmo como rituais.

Alguns dos locais mais citados na longa história das artes marciais são Grécia, Egito, Roma, China, Japão e Coreia. No entanto, os que mais se destacam são os localizados no Extremo Oriente.

Por isso, toda vez que uma pessoa ouve falar de artes marciais, ela pensa na filosofia oriental e, por consequência, em locais daquela região do mundo. Apesar disso, muitos outros países contam com a sua própria arte marcial.

As principais artes marciais

Apesar de haver muitas artes marciais espalhadas pelo planeta, algumas sempre vão se destacar mais que outras. Dessa forma, vamos expor as que até hoje são consideradas as principais artes marciais.

Boxe

Teve origem na Inglaterra, embora muitos outros países tenham as suas respectivas variações do boxe. Esta arte marcial se concentra em enfrentar um oponente dentro de um ringue usando apenas os punhos.

Realizada como prática esportiva, tem como foco os valores do respeito ao adversário e a resistência física e psicológica.

Capoeira

É uma dança ritual criada pelos escravos africanos que residiam no Brasil. Por ser uma dança, era mais fácil de praticar, passando despercebida para os seus senhores, ainda que servisse para que se defendessem deles.

Características da prática de artes marciais

A capoeira está entre as artes marciais mais reconhecidas por causa da disciplina exigida para a sua prática. Nesse caso, a coordenação mental e física desempenha um papel fundamental, assim como a flexibilidade dos diferentes segmentos corporais.

Karatê

É uma das mais conhecidas no mundo todo, apesar de ter a sua origem no Japão antigo. Sua principal característica é a de se basear na filosofia do respeito, demonstrada através da cortesia nos cumprimentos.

Por outro lado, o karatê se diferencia por causa da sua técnica de luta, que consiste em vencer o oponente com o mínimo gasto de energia. Isso pode ser conseguido graças a golpes com chutes, palmas ou punhos.

Jiu-jitsu

A antiguidade do Japão traz consigo a invenção de diferentes artes marciais, e o jiu-jitsu é outro exemplo claro disso. Ele se originou com os antigos monges budistas e geralmente é usado para evitar ataques de oponentes.

Características da prática de artes marciais

Consiste em movimentos rápidos e raramente se concentra no ataque. Porém, no caso de atacar o oponente, o objetivo é derrubá-lo com um único golpe.

Taekwondo

O taekwondo é de origem coreana e é uma das artes marciais que engrossa a extensa lista de origem oriental. Essa modalidade se concentra no uso dos membros inferiores e, portanto, o controle à distância é essencial.

Embora às vezes sejam utilizados os cotovelos e bloqueios com os braços, os chutes são o eixo central e as pernas são intensamente trabalhadas.

Kung-fu

É uma das artes marciais mais conhecidas e mais antigas do mundo. Sua origem remonta ao continente asiático, especialmente a China. Sua filosofia se concentra no esforço, respeito, perseverança, humildade e justiça, elementos típicos dos ensinamentos budistas e taoístas.

Em termos de combate, o Kung-fu (foto principal) é caracterizado pelo combate corpo a corpo. Nessa modalidade, são usados chutes, socos, acrobacias e movimentos ágeis.

Artes marciais além do combate

Embora as artes marciais tenham um grande componente baseado no combate corpo a corpo, elas geralmente vão muito além de uma simples luta ou do objetivo de neutralizar o adversário.

A filosofia sobre a qual as artes marciais foram fundadas transcende o físico, indo para o espiritual e a moral, sempre buscando o respeito pleno.

Por isso, se você deseja iniciar a prática de algumas das artes marciais mencionadas, você deve começar entendendo que elas vão muito além da beligerância. Consulte um instrutor para se especializar naquela que mais te interessar!

Pode interessar a você...
As 6 principais artes marciais japonesas
Fit PeopleLeia em Fit People
As 6 principais artes marciais japonesas

As artes marciais japonesas podem ser tradicionais ou modernas e são praticadas tanto no país nipônico quanto em outros locais.



  • Pereda González, P. (2012). Breve historia del Kung-fu. Revista de Artes Marciales Asiáticas. https://doi.org/10.18002/rama.v5i2.118
  • Espartero, J., Villamón, M., & González, R. (2011). Artes marciales japonesas: Prácticas corporales representativas de su identidad cultural. Movimento.
  • Lasheras Salvador, E. (2012). La historia de las Artes Marciales Coreanas y sus armas de combate. Volumen 1. Revista de Artes Marciales Asiáticas. https://doi.org/10.18002/rama.v2i1.289