Como reduzir o estresse com o exercício físico?

Os profissionais da saúde afirmam que o exercício físico é um tratamento muito eficaz e sem efeitos colaterais contra o estresse. Você sabe como pode obter o máximo benefício psicológico da atividade física?
Como reduzir o estresse com o exercício físico?

Última atualização: 18 Dezembro, 2020

Um dos benefícios mais conhecidos do exercício físico é sua capacidade de reduzir o estresse. Inclusive, é bem comum os médicos recomendarem meia hora de exercícios por dia como forma de manter a ansiedade sob controle.

Isso porque, durante e após a prática esportiva, o organismo secreta hormônios que induzem sensações de tranquilidade e bem-estar. Além disso, exercitar-se com outras pessoas é uma ótima oportunidade para construir relações sociais e fazer parte de um grupo.

Como você já deve saber, o estresse é uma característica muito comum na maioria das pessoas na sociedade atual. O ritmo de vida cada vez mais acelerado nas cidades e a crescente falta de tempo para se desconectar contribuem para que mais e mais pessoas sejam afetadas pelo estresse.

Um artigo do Conselho Geral de Psicologia da Espanha estima que 96% da população espanhola já sentiram estresse em algum momento, enquanto 42% sofrem de estresse com frequência.

Esses números mostram que o estresse é uma questão preocupante e que precisa de atenção urgente. Portanto, neste artigo vamos falar sobre como o exercício físico pode reduzir o estresse.

Encontre o tipo de exercício físico que melhor se adapta a você

Muitas pessoas usam como desculpa para justificar o sedentarismo o fato de não gostarem de nenhum exercício físico. Em parte, elas estão certas, afinal, sem motivação, é muito difícil para uma pessoa fazer um grande esforço.

Se você é uma dessas pessoas, saiba que há uma solução fácil para o problema. Basicamente, você deve encontrar uma atividade que corresponda aos seus gostos pessoais. A gama de esportes é tão ampla que é muito improvável que você não encontre pelo menos um que chame sua atenção.

As possibilidades são infinitas: de exercícios aeróbicos a esportes em equipe, podendo ser uma dança ou simplesmente uma caminhada. Nenhum tipo de exercício físico é mais eficaz na redução do estresse que o outro. O segredo é encontrar aquele que você se sente confortável em fazer.

Por quanto tempo deve durar a prática de exercícios físicos?

Por quanto tempo deve durar a prática de exercícios físicos?

Uma pergunta muito comum ao começar a fazer exercícios físicos é quanto tempo leva para ver os resultados. Não é fácil responder a essa pergunta, pois depende de vários fatores, como a personalidade ou o humor da pessoa antes da realizar a atividade.

Até o momento, nenhuma pesquisa determinou o período exato necessário para que a prática de exercícios físicos reduza o estresse. Alguns estudos encontraram efeitos positivos em 30 minutos, enquanto outros em 90 minutos. O que é comum nos estudos é que sessões de menos de meia hora parecem ter pouco efeito.

De acordo com um estudo realizado por profissionais da Universidade de Granada, a duração ideal do exercício físico depende do tipo de emoção que você deseja influenciar.

Em outras palavras, a relação entre exercício físico e emoções negativas não é tão fácil quanto parece. Praticar exercícios físicos por menos de meia hora pode ser eficaz no alívio de alguns estados negativos, mas não todos.

É importante considerar a intensidade do exercício

Em linha com o parágrafo anterior, o tempo que você dedica à prática esportiva não é o único fator importante, uma vez que a intensidade da atividade também desempenha um papel fundamental.

De acordo com um artigo publicado na Revista Colombiana de Reabilitação, para que o exercício melhore o humor, ele deve ser realizado a 50% da frequência cardíaca máxima quando se trata de exercícios aeróbicos.

No caso de exercícios anaeróbios, os treinos de força devem ser realizados a uma intensidade moderada e vigorosa. Também é importante notar que aumentar a intensidade sem controle não implica maior bem-estar. Exagerar na intensidade pode levar à síndrome de overtraining e prejudicar o desempenho atlético.

Tenha outros hábitos saudáveis

Para reduzir o estresse, você deve prestar atenção a outras coisas que também podem afetar sua saúde. Não adianta focar nos exercícios diários se você não cuidar da dieta ou do sono.

Para ter saúde física e mental é necessário adquirir hábitos saudáveis. Não abusar de alimentos processados, descansar pelo menos oito horas por dia e cultivar relações sociais estáveis ​​são apenas exemplos de costumes positivos para seu bem-estar pessoal.

Para ter saúde física e mental é necessário adquirir hábitos saudáveis

Reduzir o estresse através do exercício físico

Todos nós já passamos por momentos difíceis em que nos vimos tomados pelo estresse. No entanto, é preciso aprender a controlá-lo para evitar que suas consequências negativas se tornem crônicas ou interfiram em outras áreas da vida.

Você precisa agir sobre o que você pode controlar, como respostas emocionais ou hábitos saudáveis. Como dissemos anteriormente, você deve ter uma perspectiva global.

O ideal é começar a pensar no gerenciamento do estresse como uma tarefa em que todas as ações contam. Não cometa o erro de negligenciar outras áreas da sua vida tornando-se obcecado pelos exercícios físicos.

Pode interessar a você...
Os 4 melhores esportes para aliviar o estresse
Fit PeopleLeia em Fit People
Os 4 melhores esportes para aliviar o estresse

O estresse se tornou comum na vida de muitas pessoas. A seguir, vamos apresentar algumas opções de esportes para aliviar o estresse



  • Jiménez, M. G., Martínez, P., Miró, E., y Sánchez, A. I. (2008). Bienestar psicológico y hábitos saludables: ¿están asociados a la práctica de ejercicio físico?. International Journal of Clinical and Health Psychology, 8(1), 185-202.
  • Salazara, C. F. D., Aguilera, E. T. M., Bolivar, L. A. R., y Parra, W. A. V. (2019). Efectos del ejercicio físico sobre la depresión y la ansiedad. Revista Colombiana de Rehabilitación, (2).