O Maracanã do Rio de Janeiro e a sua mística

Inaugurado para a Copa do Mundo de 1950, o Maracanã é um dos estádios onde todo jogador de futebol gostaria de jogar... e onde todo torcedor gosta de apreciar uma partida.
O Maracanã do Rio de Janeiro e a sua mística

Última atualização: 04 maio, 2021

Todo aquele que ama o futebol sabe que o Maracanã do Rio de Janeiro tem algo especial. Durante um longo tempo, ele ainda foi ‘o maior do mundo’, como dizem no Brasil. E embora ele tenha sido construído para a Copa do Mundo de 1950, ele ainda é sinônimo de toda uma mística. Vamos contar tudo sobre ele no artigo a seguir.

História do Maracanã

Originalmente, recebeu o nome de Estádio Municipal do Maracanã – por causa de um pássaro típico da região – e a sua inauguração ocorreu no dia 24 de junho de 1950, com uma vitória de 4 a 0 da seleção brasileira sobre a seleção do México. Em seguida, outras partidas seriam disputadas nas fases de grupos e nas finais.

Nesse local, ocorreu nada menos do que a partida entre a seleção local e a seleção uruguaia, um evento que todos conhecem como ‘Maracanaço’, já que a equipe uruguaia venceu por 2 a 1 com um público de quase 200.000 pessoas, um recorde que ainda não foi quebrado.

O Maracanaço ocorreu em 16 de julho de 1950, quando os uruguaios conquistaram o seu segundo – e até agora o seu último – título mundial.

Após esse evento, o Maracanã passou a ser o lar de duas equipes locais: Flamengo e Fluminense, em um dos curiosos exemplos de rivais que dividem um estádio. Em 1963, o clássico Fla-Flu teve outro recorde de público, com pouco mais de 194.000 espectadores.

O Maracanã

Estádio do Maracanã durante a Copa do Mundo de 1950. Imagem: FIFA.

Um ano depois, decidiu-se mudar o nome do local para Mário Filho, em homenagem a um jornalista esportivo brasileiro que fundou o Jornal dos Sports, um jornal local. No entanto, as pessoas continuam a chamá-lo de Maracanã.

Muitas estrelas do futebol mundial já pisaram na grama desse mítico estádio, incluindo Pelé, Maradona, Ronaldo e, mais recentemente, Messi e Riquelme.

Em 1989, ele foi utilizado novamente para um evento esportivo de renome, a Copa América. Os seis jogos disputados no Maracanã ocorreram na fase final, incluindo o protagonizado pela seleção local e o seu carrasco dos anos cinquenta, o Uruguai. Desta vez, o Brasil se vingou, vencendo a partida por 1 a 0.

Reformas e alterações

Em 1992, durante um jogo do Brasileirão entre o Flamengo e o Botafogo – outro dos grandes do Rio de Janeiro –, uma das arquibancadas desabou e caiu sobre centenas de torcedores; três deles morreram. Por isso, houve a decisão de reformar o estádio e reduzir a sua capacidade para 130.000 pessoas.

Além disso, outras mudanças subsequentes foram feitas no Maracanã para que ele sediasse o Mundial de Clubes conquistado pelo Corinthians. A capacidade foi inicialmente reduzida para 103.000 pessoas e, para cumprir com os regulamentos da FIFA que exigem que todos os espectadores estejam sentados em um estádio usado para a Copa do Mundo, a capacidade caiu para 80.000 pessoas.

Atualmente, o estádio tem uma altura máxima de 32 metros, um perímetro de 800 metros e uma elipse sem suportes visíveis no interior. Além disso, no ano 2000, foi inaugurada a Calçada da Fama, para comemorar os primeiros 50 anos de vida desse gigante carioca. Muitas personalidades do futebol deixaram lá as suas pegadas para a posteridade.

Em 2012, o Maracanã passou por uma nova mudança: foi adicionada uma cobertura formada por módulos solares que produzem energia solar fotovoltaica para suprir completamente a sua demanda por eletricidade e até mesmo oferecer o restante para a cidade. Um ano depois, ele recebeu três partidas da Copa das Confederações da FIFA e, em 2014, ele foi novamente reformado para a Copa do Mundo.

Embora o estádio tenha mantido a sua fachada e a sua cor original – azul celeste – a sua forma oval foi ligeiramente modificada para torná-lo mais moderno. Ao mesmo tempo, foram adicionados restaurantes, rampas novas, escadas rolantes e melhores acessos. O estacionamento foi ampliado e as arquibancadas superiores foram demolidas para melhorar a visibilidade.

O Maracanã

O Maracanã em eventos internacionais recentes

O Maracanã sediou sete partidas da Copa do Mundo de 2014, incluindo a final na qual a Alemanha venceu a Argentina por 1 a 0. O último evento internacional que aconteceu no estádio foi a Copa América de 2019, que o Brasil venceu neste local depois de derrotar o Peru por 3 a 1 na final, com quase 70.000 pessoas presentes.

Por fim, vale ressaltar que o Maracanã também é usado para shows de importantes nomes da música, tais como Queen, Madonna, Kiss, U2, Tina Turner, Aerosmith ou Frank Sinatra. Você já pensou em conhecer este lugar maravilhoso?

Pode interessar a você...
Os 6 maiores estádios do mundo
Fit People
Leia em Fit People
Os 6 maiores estádios do mundo

Os maiores estádios do mundo têm capacidade para mais de 90.000 espectadores... E ficam 100% lotados! Alguns deles não são tão famosos no Ocidente.




Os conteúdos desta publicação foram escritos apenas para fins informativos. Em nenhum momento podem servir para facilitar ou substituir diagnósticos, tratamentos ou recomendações de um profissional. Consulte o seu especialista de confiança em caso de dúvida e peça a sua aprovação antes de iniciar qualquer procedimento.